Home

Confesso que sou o tipo de leitora que adora seguir indicações, por mais que meu “feeling” sinta que o livro não tem nada a ver com a minha personalidade. Certo dia, um colega (que sempre alegou não gostar de ler) me disse que a única obra que se interessou na vida foi uma tal de Pai Rico, Pai Pobre, dos autores Robert Kiyosaki e Sharon Lechter.

Até então, eu não tinha a mínima ideia sobre o que o bendito livro abordava. Foi quando descobri que se tratava de um best-seller mundial sobre educação financeira. Nem preciso dizer o quanto me animei, afinal, sempre tive bastante interesse sobre economia e assuntos similares.

Apesar da linguagem fácil, Pai Rico, Pai Pobre é uma obra que transparece um “quê” de autoajuda ou algo do tipo, ao invés de “administração e negócios” (como a maioria das livrarias o categorizam). Sem contar que fiquei frustrada a cada página virada a partir da metade da leitura. Jamais pensei que fosse me decepcionar tanto, já que a recomendação veio com tanta convicção.

Os autores tratam a educação financeira como algo utópico. Frases como “as pessoas poderiam ser ricas fazendo isso e aquilo” ou “acredite em você” não convencem, tampouco as lições de empreendedorismo. Imaginem se todos os milhões de leitores seguissem os ‘conselhos’ de Kiyosaki? O mundo estaria recheado de pessoas com dinheiro como se fosse algo realmente fácil. Mas não é. Eu sei, você sabe e todo mundo sabe também.

No fim das contas, o que restou foi uma sensação de ignorância por não conseguir entender o sentido das parábolas de cada capítulo. Espero que você tenha mais sorte do que eu.

Pai Rico, Pai Pobre

Fonte: Skoob

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s