Home

Desde a época da universidade, quando frequentava o curso de História, sempre me perguntei o que levava a muitos de meus colegas a gostarem tanto de estudar sobre guerras. Muitos deles tinham as suas opções prediletas, como a Primeira ou Segunda Guerra, alguns as guerras da Grécia clássica e outros as guerras santas. Eram tantas respostas com os argumentos mais diversos que não cheguei em nenhum consenso.

Já no livro da editora Civilização Brasileira que acabei de ler, intitulado Porque a Guerra? – Das Batalhas Gregas à Guerra Cibernética e organizado por Francisco Carlos Teixeira da Silva e Karl Schurster Sousa Leão, busca responder essa pergunta navegando pelos conflitos que marcaram a história mundial, sempre tentando explicar o motivo da barbaria humana.

“Deveríamos iniciar questionando o porquê de tantas guerras e a grande dificuldade de se conseguir paz.”

Sem dúvida, a guerra é um dos fenômenos sociais mais antigos. Ela acompanha a humanidade desde o período da pré-história e, como o livro demonstra em um dos seus capítulos (para mim é um dos melhores momentos), as guerras continuaram no campo cibernético, também conhecidas como as ciberguerras.

Nitidamente, Por que a Guerra? é um livro que nós ajudará a entender algumas das motivações humanas para não se buscar a paz. Como o próprio almirante John Arbuthnot Fisher, da Marinha Real Britânica, diz: “Todas as nações desejam a paz, mas querem a paz que lhes convém”.

Resenhista: Lucas Gonçalves

POR QUE A GUERRA?

Fonte: Amazon

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s