Home

Criei o hábito de ler mais de um livro ao mesmo tempo, algo que jamais faria em anos atrás. Essa atitude me fez refletir sobre a minha necessidade de ter válvulas de escape que me motivam a continuar esse projeto literário que cuido com tanto carinho. Nessas andanças de estafa mental, é bem esperado que eu inclua uma autoajuda no repertório.

“O mundo existe porque temos consciência dele. Não podemos viver numa realidade da qual não estejamos conscientes.”

Eu não vejo problema nenhum nisso. Mas já fiquei muito incomodada em incluir esse gênero na minha rotina literária, porque parece que estou me sabotando de alguma forma. Como conteudista e redatora de profissão, sei que as palavras têm um poder muito grande e acredito que na literatura seja assim: estamos sempre prontos para dizer o que os outros querem ouvir.

Escolhi As Coisas que Você só vê Quando Desacelera, do zen-budista sul-coreano Haemim Sunim, sem muitas motivações. Essa é uma daquelas obras que você vê as pessoas lendo no transporte público ou folheando nas livrarias e só então percebe porque ela chama a atenção, seja pelo título ou pela capa.

“A vida é como o teatro. Você recebe um papel. Se não gostar dele, saiba que tem o poder de representar o papel que quiser.”

Estamos vivendo um período que exige a rapidez em tudo: no trabalho, no lazer, nas refeições… É cada vez mais difícil encontrar o famoso “tempo” que tanto precisamos e merecemos. Apesar da espiritualidade ser uma característica que se vê nas páginas de Sunim, o leitor não precisa se incomodar com isso.

Tudo é feito de forma tão sutil e natural que até parece uma daquelas conversas no quintal de um sítio. Vale lembrar que algumas abordagens soarão clichês, mas quando não somos, não é mesmo? Todos os dias, temos que repetir coisas que são óbvias e que, nem sempre, somos capazes de enxergar sozinhos. 

“Não importa quão eficaz um remédio seja; se você exigir que alguém o tome, pode ser que ele pareça um veneno.”

“Estar certo não é nem de longe tão importante quanto ser feliz com alguém.”

Fonte: Skoob

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s